11/12/2017

Próteses fornecidas pelo SUS ajudam amputados na prática de atividades físicas

images/protese_shutterstock_1200x800.jpg

A prática de atividades físicas é recomendável a todos - e pode se transformar em importante ferramenta na recuperação de pessoas que sofreram acidentes e perderam algum membro. Os exercícios aprimoram a força, a agilidade, a coordenação motora, a independência e o equilíbrio, além de proporcionar mais oportunidades de sociabilização.

Diego Henrique Barros Oliveira (à direita na foto ao lado), 30 anos, sofreu um acidente automobilístico em 2007 e perdeu a perna esquerda. Depois de ser encaminhado pelo Sistema Único de Saúde (SUS) a um Centro Especializado em Reabilitação (CER), em Goiânia, não só descobriu que poderia fazer exercícios físicos regularmente como percebeu a importância deles na recuperação. "Fiz todo o processo no Centro Estadual de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo. Após receber gratuitamente a prótese, tive de aprender a andar novamente. Em pouco tempo conheci o esporte e isso me ajudou fisicamente e mentalmente", lembra.

"No início fiz natação e basquete adaptado. Mas a grande paixão veio depois, com o jiu jitsu, que tem chances de se tornar modalidade olímpica e paralímpica. Hoje disputo campeonatos com pessoas que não têm nenhuma deficiência, pois os outros esportes adaptados me dão o preparo para tal. É mesmo uma questão de superação", explica o lutador, que conquistou títulos no Brasil e na América do Sul, além de disputar outras competições ao redor do mundo. "Apesar de todos os problemas, não podemos ficar lamentando. Com perna ou sem perna, independente do problema que você tenha, o negócio é seguir em frente porque a vida ainda tem muita coisa boa a te oferecer. A prática de exercícios físicos te traz um bem estar maravilhoso, melhora o estresse e deixa sua saúde em dia", afirma Diego.

Reabilitação no SUS

Qualquer pessoa que nasça com alguma limitação ou adquira uma durante a vida pode encontrar apoio no SUS para se reabilitar. Os Centros Especializados em Reabilitação (CER) são pontos de referência em todo o país para a Rede de Atenção à Saúde da Pessoa com Deficiência e têm a finalidade de realizar diagnósticos e tratamentos de pessoas com deficiência, além de promover a concessão, a adaptação e a manutenção de tecnologia assistiva. 

A reabilitação/habilitação é realizada de forma interdisciplinar e com o envolvimento direto de profissionais, cuidadores e familiares. Esse acompanhamento acontece a partir das necessidades de cada pessoa, considerando o impacto da deficiência sobre sua vida, bem como os fatores clínicos, emocionais, ambientais e sociais.

 

» Para mais informações, visite o site do Ministério da Saúde

 

 

Clique na imagem para ampliar

 

Compartilhar:

A+

A-

A



Acesse também

Parceiros